A esperança como abrigo da fé: não seja mártir do medo

Que a oração é o veículo dos milagres, não há dúvida! A ciência já reconhece o poder da oração, inclusive, com experimentos controlados, onde se pode constatar o poder da prece coletiva em algumas situações, como cura de doenças e diminuição da violência.  Mas, o que dizer de uma prece onde a expectativa de ser atendido é quase nula ou sequer existe? Pois é, muita gente ora sem se dar conta do estado negativo da mente, onde não existe a esperança em ser atendido.

A física quântica nos diz que todas as possibilidades estão ao nosso dispor. A escolha que fazemos, o foco onde jogamos nossa vibração, é que vai determinar nossas conquistas. Entrar em estado de oração, pedir algo para si, sem acreditar que será atendido, sem ter esperança, de nada adianta. Jesus disse: Pedi e recebereis, buscai e achareis, batei e a porta abrir-se-vos-á. Porque todo aquele que pede, recebe; o que busca, acha; e ao que bate, se lhe abrirá (Luc 11:9-10). No entanto, o homem que pede deve ter esperanças de ser atendido, deve manter a expectativa positiva de que o Pai sempre atende ao pedido do filho.

Para ser atendido, é preciso saber pedir com prudência, sem duvidar, sabendo exatamente o que se quer e porque quer. Sobretudo, aceitando a vontade de Deus, no tempo de Deus, pois o Pai nos fornece aquilo que precisamos e não exatamente o que queremos. Muitas vezes o que queremos serve apenas ao nosso deleite e prazer e em nada nos edifica. Por isso, importante buscar o Reino de Deus e sua Justiça, perdoando a si mesmo e a todos, permitindo que o Espírito Santo guie nossos passos. Desse modo, nossa oração será atendida.

A esperança é o abrigo da fé. Como pode orar se não possuis em teu coração a esperança de ser atendido? É importante cultivar a expectativa positiva, de que sempre há uma resposta do Universo aos nossos pedidos. A mente positiva atrai os fatos positivos. A soma do pensamento+emoção+sentimentos positivos gera uma verdadeira força atrativa para as boas coisas, as boas novas. E isso só pode acontecer quando você entrega sinceramente seu pedido a Deus, sem se importar como isso vai acontecer, pois o COMO pertence a Deus.  Isso é Esperança. Isso é Fé. Isso é confiança no Pai.

Você faz sua prece, conta a Deus suas necessidades, pede a intercessão dele e não fala mais desse assunto, evita murmurações que geram descrenças e dúvidas. Essa entrega é fundamental, é nela que mora a esperança de ser atendido.

Muitas vezes fazemos nossas preces com o coração cheio de dúvidas, de descrença, de medo. Este último nos aprisiona, nos controla, nos torna ansiosos, depressivos, doentes. O medo é um instrumento muito cruel, destruidor de preces, pois ele mata nossa expectativa de ser atendido. O medo é o oposto do amor, uma erva daninha que nos coloca sempre para baixo, um dos instrumentos do ego.

Deus e ego não combinam. Deus quer que você seja livre, que tenha vida em abundância, que viva longe do pecado e do medo, que ame e seja amado, que viva em paz. O ego quer a sua culpa e condenação. A escolha é sua. Opte pela paz, pela fé, pela esperança, por confiar suas preces a Deus, enquanto você faz a sua parte, vivendo uma vida digna juntos aos seus.

Não seja mártir do medo, não deixe ele minar sua fé e destruir os efeitos de sua oração. Confie e será atendido.

A EFT – Técnica de Libertação Emocional, ajuda muito eliminando nossas crenças negativas, nossos medos inconscientes, nossa baixa autoestima, aumentando a autoconfiança, o sentimento de merecimento, de amor próprio, de pertencimento ao Universo, de libertação.

Acredite no que você quer, lute por seus sonhos, tenha Deus como seu Aliado, entregue a Ele seus pedidos, mantenha a esperança e a expectativa positiva e parta para a ação. Desse modo, tudo lhe será possível!

 

Goretti Lima – Psicóloga e Terapeuta em EFT